Como conquistar o leitor de um livro?

By

As primeiras linhas, os primeiros parágrafos, as primeiras páginas e os primeiros capítulos são definitivos no processo de decisão de leitura de um texto, e devem deixar claras as respostas para duas perguntas: qual é a história que você vai contar e como você vai fazer isso. Dessa maneira, você fisga o leitor pela curiosidade de como será a história, o deixando muito interessado. O que fazer para deixar meu leitor fisgado?

Personagem

Uma apresentação forte e simbólica de seu personagem pode render uma Imagem Inicial cativante. É necessário de alguma forma revelar seus desejos, medos, fraquezas, de uma forma sutil e relacionável. Quando bem feita, o leitor sai da cena com a sensação de que já conhece o personagem, apesar de curioso para entendê-lo mais. Também é uma forma excelente de exercitar o uso do poder visual da abertura.

Mistério

Envolva os seus personagens em situações misteriosas já no início da história. Apresente um evento aparentemente sem sentido, ou algo que o leitor não consiga compreender completamente nesse ponto da história, e solucione o mistério mais tarde no enredo.

Faça seus leitores sentirem

Diz a ciência, contrário ao que somos inclinados a crer, que o cérebro usa a emoção mais do que a razão para avaliar o que realmente é relevante para nós. Em outras palavras, as pessoas tendem a realizar escolhas mais direcionadas pelos sentimentos do que por uma análise realista da situação. E por que esta informação é importante para os escritores? Se seus leitores não estiverem “sentindo” enquanto leem, abandonarão seu livro antes que possa imaginar (muito menos, desejar).

Cause identificação

Sabe aquele sentimento de quando você lê algo e sente que aquele conteúdo foi escrito para você? Provavelmente ele foi. Bom, não exatamente, mas foi escrito para uma pessoa que tenha esperanças, sonhos, medos e preocupações parecidos com os seus. Colocando em termos de marketing de conteúdo: aquele conteúdo foi feito para uma persona que te descreve.

Situe o leitor no universo do seu livro

Mesmo que o seu livro se passe na rua ali da esquina, seu leitor precisa entender em que universo ele está entrando. Claro, isso é ainda mais importante quando se trata de um livro de fantasia, ou de época. Certifique-se que o seu livro consegue situar o leitor no seu universo.

Leave a Comment

Your email address will not be published.

cinco × 1 =

You may also like