Quais as etapas da produção de um livro?

By

Enganam-se aqueles que pensam que não há uma receita para produzir um livro, que não existem processos além da impressão. No entanto, é preciso esclarecer que o toque pessoal de cada editor(a) acaba fazendo a diferença.

Tudo nasce com uma ideia. Cada escritor tem seu próprio tempo para amadurecê-la, mas o processo sempre envolve muita pesquisa, escrita e autoanálise do material.

Quais os processos envolvidos?

Análise do conteúdo

Ao finalizar o livro, o autor envia sua obra para editoras que desejar, e ele precisará ser lido e analisado. A análise de conteúdo é feita geralmente pelos editores chefes. É analisado desde a quantidade de páginas (custo de produção é diretamente proporcional à tiragem e ao número de páginas), conteúdo direcionado ao público certo da editora, até adequações de escrita.

Revisão e diagramação

A primeira consiste em distribuir capítulos, imagens e tipografias em folhas encadernadas. A segunda é a correção de erros ortográficos. A essa altura, designers, revisor e produtor editorial trabalham juntos.

Capa

A capa é a etapa que traz a identidade do livro, sua maior propaganda. O ditado popular “não julgue um livro pela capa” não é levado em conta quando se trata de uma edição. A editora, dentro de seu conhecimento de mercado e do público-alvo do livro em questão, passará as informações do livro para o designer de capas responsável. Algumas editoras terceirizam esta parte, contratando especialistas específicos para o gênero do livro.

Impressão em larga escala

No contrato entre editora e autor, será estabelecido o número de tiragens que será feito na edição, ou seja, quantos livros serão impressos nessa edição. Isso dependerá do quanto o autor está disposto a gastar, pois existe uma diferença considerável do custo de 500 livros impressos e 1 mil. O preço da impressão varia de gráfica para gráfica, dependendo do número de páginas, do tipo de papel, se é colorido ou preto e branco, se possui imagens e fotografias, e assim por diante.

Impressão sob demanda

Impressão sob demanda é um modelo de negócio em que as cópias de um livro são impressas somente quando encomendado. Isto significa que um autor pode optar pela impressão de 10, 100 ou 1000 exemplares de sua obra, muitas vezes sem a necessidade de contratos de produção mínima. Esse tipo de impressão é indicado para autores que foram recusados em editoras grandes e querem ter sua obra publicada.

Leave a Comment

Your email address will not be published.

13 + catorze =

You may also like